Gestão Pública: Práticas e Desafios ISSN 2177-1243, Vol. 1, No 2 (2010)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

EFICIÊNCIA NAS ORGANIZAÇÕES PÚBLICAS E GESTÃO DO CONHECIMENTO: OTIMIZANDO SISTEMAS
(EFFICIENCY IN PUBLIC ORGANIZATIONS E MANAGEMENT OF THE KNOWLEDGE: OPTIMIZING SYSTEMS)

Paulo André Benz, Abraham Benzaquen Sicsú

Resumo


O serviço público necessita acompanhar a evolução do nível de exigência da sociedade, prestando serviços que sejam adequados à realidade de uma crescente demanda em termos de qualidade da atuação da Administração Pública. Neste contexto, a utilização de medidas de Gestão do Conhecimento é passível de se tornar elemento de consecução do Princípio Constitucional da Eficiência, que pode ser considerado como equivalente da vantagem competitiva, cuja busca é um dos principais argumentos em favor da Gestão do Conhecimento na iniciativa privada. O reconhecimento do Princípio Constitucional da Eficiência como uma qualificação do Princípio da Legalidade, em função de seu aspecto finalístico é uma das possibilidades de compreensão da sua importância. Os novos paradigmas que devem ser enfrentados pela Administração Pública envolvem a preocupação com a ética relacionada com o uso de recursos informacionais e disseminação de informações, com o desenvolvimento sustentável e com a busca de uma inteligência coletiva capaz de assegurar a melhoria das condições humanas, ambientais e sociais, no bojo da implantação da Gestão do Conhecimento em organizações públicas.

 

Palavras-Chave: Serviço Público; Gestão do Conhecimento; Princípio Constitucional da Eficiência; Inteligência Coletiva; Desenvolvimento Sustentável.

 

Abstract
The public service needs to monitoring the evolution of demand level of society, delivering services that are appropriate to the reality of a growing demand for quality of performance of public administration. In this context, the use of measures of Knowledge Management is likely to become part of achieving the constitutional Principle of Efficiency, which can be regarded as equivalent of competitive advantage, the search is one of the main arguments in favor of the Knowledge Management initiative private. The recognition of the Constitutional Principle of Efficiency as a qualification of the Principle of Legality, because of their appearance purposeful is one of the possibilities of understanding its importance. The new paradigms that must be faced by the public concern surrounding the ethics related to the use of informational resources and information dissemination, sustainable development and the pursuit of a collective intelligence capable of ensuring the improvement of human conditions, environmental and social, in the midst of the implementation of Knowledge Management in public organizations.

 

Key-words: Public Service; Knowledge Management; Constitutional Principle of Efficiency; Collective Intelligence; Sustainable Development.


Texto Completo: PDF

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0.